quarta-feira, 3 de agosto de 2011

"E se de repente a gente não sentisse a dor que a gente finge e sente?"